Desfile comemorativo ao dia 7 de setembro de 2007

De camisetas e bexigas alaranjadas, segurando faixas com frases sobre Filosofia.

Foi assim que os alunos participantes do projeto Educação para o Pensar – Filosofia com Crianças e Jovens, desenvolvido pelo IPEC - Instituto de Pesquisa em Educação e Cultura, entraram na avenida, para o desfile de Sete de Setembro, nas cidades de Guaratinguetá e Lorena.

Acompanhados de seus monitores, os alunos do Ensino Fundamental de diversas escolas das redes municipais das duas cidades, trouxeram nos cartazes frases que eles mesmos criaram, retratando suas idéias sobre o que é a Filosofia. As aulas, que utilizam as histórias em quadrinhos regionalizadas e o jornal infantil “Os Corujinhas e Você” como material de apoio, destacam temas do cotidiano das crianças para a comunidade de investigação filosófica formada em sala de aula.

Os alunos que formavam o “pelotão” de Filosofia caminharam animados com a exibição de suas idéias e do que aprenderam sobre Filosofia. Quem vibrou também ao ver a passagem dos “corujinhas” foram as autoridades presentes, que os aplaudiram e se mostraram satisfeitas com a participação do “Educação para o Pensar” na avenida e com os resultados nas escolas. Para o Prof. Élcio Vieira, Secretário Municipal de Educação de Lorena, o projeto facilita o desenvolvimento crítico dos alunos para que eles possam ser cidadãos ativos na sociedade. “Foi maravilhoso eles trazerem para avenida frases expressando aquilo que estão aprendendo em sala de aula e o que realmente o projeto vem desenvolvendo em cada um deles”. Segundo o Secretário, as crianças têm se mostrado satisfeitas com a Filosofia e a participação no desfile foi uma grande motivação para elas.

Outra que afirma a boa adesão e eficiência do projeto desenvolvido pelo IPEC é a Profª Gilda Cortez Pereira, Secretária Municipal de Educação e Cultura de Guaratinguetá, que também esteve presente no desfile de sua cidade em comemoração ao dia da Pátria. Para ela, esse trabalho desenvolve a criança na questão da argumentação e da disciplina e é um diferencial na grade curricular da escola. Além disso, a metodologia utilizada pelo projeto e aplicada nas aulas traz um avanço no trabalho do professor. “Por causa da forma de trabalho, os professores participam daquele momento, fazendo com que os alunos mudem até sua postura diante de outras disciplinas trabalhadas em sala”.

Com esses estímulos ao interesse sobre questões filosóficas proporcionadas pelo projeto, sua didática e metodologia, as crianças passam a pensar por si só, desenvolvendo um senso crítico.

É o que a Profª Vera Medina, Supervisora de Ensino das escolas de Lorena, salienta ao explicar a importância do projeto “Educação para o Pensar – Filosofia com Crianças e Jovens” para esses alunos. “Hoje em dia o pensar e o falar são importantes em qualquer dimensão da vida deles, não só na escola, na família, como também futuramente quando tiverem um emprego. O projeto está levando as crianças a questionarem temas ligados às suas vidas, que muitas vezes não conseguem discutir nem com os pais e nem na própria escola com seu professor”.

Notícias Anteriores:

Voltar.

  • Fotos
    Galeria de imagens
    Acompanhe aqui o nosso trabalho.
    Saiba mais.
R. Visconde do Rio Branco, 335 – 1º andar – Centro – Taubaté/SP – CEP 12020-040 – Telefax (12) 3411.1789
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS PARA IPEC